C.O.T – Às vezes o problema não é você

21 jun

O que se deve fazer com pessoas que não agregam nenhum valor na sua vida?

Imagem relacionada

Oi gente! Há quanto tempo, né!

Recentemente, pra ser mais exata – hoje, eu passei por um “episódio” um tanto quanto triste e decepcionante. E cheguei à conclusão de que às vezes, o problema não está em si, e sim nas pessoas que você acredita ser seus “amigos”.

Antes, eu gostaria de contar uma pequena história. Tudo começou com essa imagem aqui que um “amigo” meu curtiu e reagiu.

Sem título

Além do “meme” ser de extremo mal gosto (mas há quem acha graça), os comentários são piores ainda.
Obs.: Apesar de umas “peças” dessas comentarem tal coisa, decidi não expor a identidade dessas pessoas, até porque não quero que ninguém saia daqui dando hate em ninguém.


*Não estou aqui para defender usuários de drogas ilícitas ou qualquer outro tipo de grupo social, mas me desculpe, eu não consegui achar graça desse tipo de piada. O que os usuários de drogas fazem não é certo, é um crime! Até porque a droga é ilegal e eu também não concordo com a prática, mas isso não justifica que as pessoas (ou eu mesma) tomem atitudes um tanto quanto nazista. Já vi muitos comentarem que drogados não são pessoas e que deveriam apenas morrer como bichos. E infelizmente, muitos desses comentários são direcionados também para mendigos. 

Resultado de imagem para diga não as drogas

Infelizmente é uma triste realidade do Brasil, mas eutanásia é crime. Ninguém tem o direito de decidir pela vida do outro, sobre quem vai viver mais ou menos.*


E o outro ponto dessa imagem é “K-popers”.  

Imagem relacionada

*Breve explicação- Kpopers são pessoas que consomem músicas pop coreana*

Eu de certa forma achei graça quando vi a imagem pela primeira vez, mas depois que a entendi eu me senti tão mal, tão desconfortável e finalmente, me senti ofendida.
Eu gosto muito de música pop coreana, assim como música pop japonesa e pop americana também. Não vejo problema nenhum em uma pessoa consumir certo tipo de música, mas é irritante quando alguém aparece pra dizer que “O MEU É MELHOR”. Infelizmente hoje em dia tem muito disso do “eu”: Ah, o meu estilo é melhor! O meu ritmo é melhor! O meu é melhor e o seu não é.

Resultado de imagem para kpop meme

Depois de ver essa imagem, eu fiquei um tanto quanto pensativa: “Poxa, se essa pessoa é mesmo minha amiga e sabe que eu gosto de kpop, por que ela curtiria algo do tipo?”
É claro que cada um curte o que quiser em sua conta, mas às vezes algumas dessas publicações podem ferir ou incomodar algumas pessoas. Eu obviamente não falei com a pessoa sobre isso, não reclamei, apenas ocultei a publicação.

Resultado de imagem para facebook ocultar

Mas sabe aquele sentimento ruim que fica? Então… eu fiquei pensando se eu era realmente uma pessoa ruim por escutar kpop ou assistir animê, se essa pessoa havia se afastado de mim porque tinha vergonha das coisas que eu curto… ou algo relacionado. Eu então lembrei de todos os meus comportamentos que tive com essa pessoa, pensei em tudo o que eu disse e em tudo o que eu fiz e cheguei à conclusão de que: Não, não sou uma pessoa ruim. Gostar de escutar música pop coreana não me faz alguém ruim.

Obviamente tem o que a gente chama de fã micão, que são aqueles que sempre aprontam alguma nos fandoms, espalham ódio, mas não é correto generalizar os fãs. Existem muitos fãs “normais”, com aparência normal, jeito normal, fala normal, é gente como outras “gentes”.

Resultado de imagem para kpop meme

Dessa forma, cheguei à conclusão de que às vezes, o problema não está em si, e sim nas pessoas que você acredita ser serem seus “amigos”. Eu quase nunca falei com essa pessoa sobre isso (apenas uma vez eu acho), nunca a forcei a escutar kpop, ler mangá ou assistir animê, pelo contrário, eu só falo disso com duas pessoas em especial – minha amiga Usagi e meu amigo Noctis. Só.

O restante dos meus amigos recebem um tratamento totalmente diferente, até porque ninguém é igual e também este é um assunto a qual como eu disse anteriormente, só  gosto de conversar com as duas pessoas em específico.

E infelizmente, há pessoas que não atribuem valor nenhum à sua vida. Apenas fingem ser amigos ou algo do tipo. Não odeio essa pessoa que curtiu essa “piada”, mas não acho que eu poderia continuar sendo amigo de alguém assim (o motivo não é exatamente por causa dessa piada), pois depois que entrei em reflexão eu percebi que realmente essa pessoa não está nem aí pra mim, eu mesma já queria a um tempo acabar com essa amizade, mas depois desse episódio, eu diria que essa foi a cereja do bolo.

ENFIM!

Fazendo um resumão da postagem – Como eu disse antes, às vezes o problema não é você. Infelizmente você está preso em certas amizades a qual a pessoa não te agrega nenhum valor!

Q: E o que se deve fazer com pessoas que não agregam nenhum valor na sua vida?

R: Muito simples! Se libertar! Colocar um ponto final nessa história!

Se você não quer perder a amizade, talvez conversar seja uma boa opção. Mas se já deu, é melhor acabar! É melhor chorar depois por alguns minutos pelo fim da amizade do que continuar se perturbando todos os dias com alguém que não está nem aí pra você.

Imagem relacionada

Então é isso pessoal! Faz tempo que não venho desabafar aqui, mas agora está feito!
Depois eu vou escrever sobre preconceito e racismo no Brasil. Acredito que seria um ótimo tema para conversamos sobre.

Então, até a próxima postagem! Au revoir honeys! ♥

2 Respostas to “C.O.T – Às vezes o problema não é você”

  1. Moon Ray 22/06/2017 às 6:32 pm #

    Passei por situações semelhantes nesses últimos messes, pessoas que eu costumava considerar minhas amigas começaram a compartilhar coisas absurdas no Facebook, daquelas que não da pra deixar passar.

    Uma ex-amiga começou a compartilhar posts de páginas feministas, até ai tudo bem, apoio a causa feminista de coração, mas chegou um momento que se tornou insuportável. Eram tantas aberrações que apenas deixar de seguir não era o bastante, tive que bloquear ela. Uma das aberrações que ela compartilho: Todo homem é um estuprador em potencial. Por favor né? >_>

    Outro ex-amigo começou a postar coisas sobre Trump. Tudo bem, ele tem todo direito de gostar dos EUA, de achar o candidato Trump um bom presidente… mas o cara estava endeusando Trump! Era ridículo.

    Quando a pessoa não agrega nada a sua vida, não há motivos pra ficar “enchendo linguiça”. Não há motivos pra forçar uma amizade. O mundo esta cheio de pessoas de todo tipo, repleta de pessoas muito bacanas, não precisamos ficar nos remoendo com povo besta. Quando o caso é extremo (como no exemplo que você citou) devemos mesmo é cortar relação, deixar pra lá.

    Resumindo: Devemos escolher muito bem nossas amizades, e nos “livrar” das pessoas que não acrescentam nada em nossas vidas.

  2. Allê walker 02/08/2017 às 9:48 pm #

    Todos os meus amigos me respeitam em relação a eu gostar da cultura asiatica, acho isso legal, nunca escondi esse fato de nenhum deles, meus gostos musicais, nem nada do tipo, eles acham estranhos sim, alguns assistem também, ouvem k-pop e tal, mas nunca recebi nenhuma ofença sobre isso. Ser Otaku não é algo que muda seu carater, não vai te fazer pior que um bandido ou algo assim, algumas pessoas descriminam por causa de outras pessoas (o chamado maria vai com as outras), eu odeio isso, em vez de saberem mais sobre o assunto, preferem ofender e se acharem os donos da razão!
    então é isso kkkk falei de mais, bjss

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: